Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

Município de Oeiras apoia paróquia para garantir respostas de creche e pré-escolar em Outurela Notícias

04/12/2020

A Câmara Municipal de Oeiras aprovou um apoio financeiro extraordinário à Fábrica da Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Conceição da Outurela, no montante de 5 mil euros, para garantir que esta entidade mantenha as respostas de Creche e Pré-escolar naquela localidade. 

Com este apoio, atribuído no âmbito do Plano Municipal de Apoio à População em Situação de Vulnerabilidade (COVID-19), a autarquia tem por objetivo minimizar os impactos negativos decorrentes da pandemia e garantir a salvaguarda das mais elementares necessidades da população.

Refira-se que, a Paróquia de Outurela, que disponibiliza através do seu Centro Social as respostas de Creche e Pré-escolar, viu um decréscimo nas suas receitas pelo facto de ter estado encerrada entre março e maio e de não poder, neste ano, realizar as duas festas paroquiais – Festa de Santa Catarina (novembro) e Festa da Imaculada Conceição (dezembro) – que se consubstanciam nas duas maiores fontes de receita desta paróquia.

Este apoio extraordinário do Município, que será disponibilizado mediante a celebração de um Termo de Aceitação para vinculação das duas entidades, tem por objetivo garantir a manutenção da resposta assumida pela Paróquia aos utentes, uma importante função social junto da população mais vulnerável, nomeadamente do território da Outurela.

Recorde-se que o Município atribuiu apoio a diversas entidades locais com resposta nas áreas de apoio ao envelhecimento (Serviço Apoio Domiciliário), com respostas residenciais, com atuação na incapacidade/deficiência e saúde mental e de apoio a indivíduos sem-abrigo e com intervenção de emergência. Por outro lado, decorrente da monitorização sistemática estabelecida com o tecido social concelhio, verificou-se a necessidade de assegurar apoio adicional para fazer face às enormes e complexas dificuldades que estas entidades experienciam, para garantir a manutenção da resposta assumida perante os seus utentes e cuidadores familiares. Constrangimentos como baixas médicas, falta de material de proteção individual e de higienização, acréscimo de apoios concedidos (refeições e higienização ao domicílio), são apenas alguns dos exemplos dos seus atuais desafios.